Notas ao café…

Crimes de guerra em Gaza

Posted in notas ao café by JN on Setembro 17, 2009

hajjaj_17092009_1
Emad Hajjaj, «Al-Ghad Newspaper»

Israel está a ser acusado, segundo uma investigação da ONU, de ter deliberadamente provocado a morte a destruição entre a população civil na Faixa de Gaza durante a operação militar de três semanas que terminou este Janeiro. A missão da ONU foi presidida pelo juiz sul africano Richard Goldstone e divulgou o seu relatório a 15 deste mês. Neste conclui-se que, apesar do governo israelita tem procurado retratar a operação militar como acto de auto-defesa em resposta a ataques de rockets ao seu território, a missão da ONU considera que o plano militar foi dirigido, pelo menos em parte, a um destino diferente: o povo de Gaza como um todo, algo que Israel rejeita. São recomendadas acções legais internacionais, não apenas contra Israel mas também contra o Hamas, por crimes de guerra e, possivelmente, por crimes contra a humanidade, como escreve a The Economist:

[…] The purpose, the mission added, was “punishing the Gaza population for its resilience and for its apparent support for Hamas”. It held that Israel’s partial blockade of the Gaza Strip since Hamas took power there three-and-a-half years ago amounted to collective punishment and violated the Geneva Conventions.

The mission recommends international legal action not only against Israel, but also against Hamas, for war crimes and possible crimes against humanity. It has recommended that the findings are handed to the prosecutor of the International Criminal Court (ICC) in The Hague and also urged the UN Security Council and, separately, the General Assembly, to ensure that those responsible for the crimes are brought to justice. In particular the mission would like to see the Security Council set up a committee of experts to monitor whether Israel and Hamas conducts domestic investigations and, if so, to see how thorough these are. It also urges that, if the experts are not satisfied, the Security Council should refer the matter to the ICC prosecutor.

reijger_17092009_1
Hajo de Reijger

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: