Notas ao café…

Encontro em Genebra

Posted in notas ao café by JN on Outubro 1, 2009

cole_01102009_1
John Cole, «The Scranton Times-Tribune»

A administração Obama prepara-se para isolar economicamente o Irão do resto do mundo devido ao programa nuclear deste país. A ameaça surgiu na véspera das conversações entre a República Islâmica e os cinco países com assento permanente no Conselho de Segurança da ONU sobre este mesmo programa, como escreve o Washington Post:

[…] While officials stress that they hope Iran will agree to open its nuclear program to inspection, they are prepared by year’s end to make it increasingly difficult for Iranian companies to ship goods around the world. The administration is targeting, in particular, the insurance and reinsurance companies that underwrite the risk of such transactions.

Officials are also looking at ways to keep goods from reaching Iran by targeting companies that get around trading restrictions by sending shipments there through third parties in Dubai, United Arab Emirates; Hong Kong; and other trading hubs.

gamble_01102009_1
Ed Gamble, «Florida Times Union»

Na Suíça, os cinco do Conselho de Segurança e o Irão vão tentar chegar, mais uma vez, a um acordo sobre o programa nuclear iraniano; os EUA e os seus aliados contemplam a possibilidade de endurecer as sanções contra este país enquanto que o Irão insiste que o seu programa apenas tem fins pacíficos e que a negociação deve ser uma “via de dois sentidos” que deve focar também outros assuntos do que apenas uma longa lista de exigências sobre o seu programa nuclear.

O Presidente Mahmoud Ahmadinejad descreveu estas negociações como um “teste” à comunidade internacional sobre o respeito desta pelos direitos do Irão. O governo do Irão afirma que não irá falar sobre a recém descoberta instalação de enriquecimento de urânio, um assunto que muito provavelmente não deixará de ser focado.

Bennett editorial cartoon
Clay Bennett, «Chattanooga Times Free Press»

Mas todo o esforço de endurecer as sanções contra o Irão podem encontrar um obstáculo na China que não parece muito interessada em punir um dos seus fornecedores de petróleo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: