Notas ao café…

Mortazavi acusado

Posted in notas ao café by JN on Janeiro 12, 2010


Lukas Leibholz (Brasil)

Numa atitude rara e crítica a um alto funcionário do governo, uma comissão parlamentar iraniana acusou ex-procurador de Teerão, Saeed Mortazavi, um aliado do Presidente Mahmoud Ahmadinejad, de cumplicidade na morte por espancamento de três manifestantes da oposição no verão passado. O relatório também julgou improcedente o pedido Mortazavi de que os presos morreram devido a um surto de meningite.

Saeed Mortazavi, que era conhecido pela perseguição aos media favoráveis à oposição e ter ordenado a prisão de muitos jornalistas, foi promovido a Procurador-adjunto, em Agosto. A sua prisão é vista como um provável tentativa de pacificar a oposição. Os relatórios sobre abusos cometidos contra prisioneiros surgiram no verão passado e provocaram grande polémica e revolta no Irão. Segundo Abbas Abdi, um jornalista que viu o seu jornal ser fechado, Mortazavi é o mais alto funcionário que o Parlamento poderia acusar sem ter problemas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: