Notas ao café…

“Órfãos” do Haiti

Posted in notas ao café by JN on Fevereiro 2, 2010

Em 2008, E. J. Graff escrevia na Foreign Policy “The Lie We Love”, onde denunciava uma nova “indústria” que tem vindo a crescer desde os anos 90, a dos “órfãos”. Embora existam milhões de crianças esquecidas em zonas de conflito e de catástrofes, vítimas da fome, sem pais, que vivem em orfanatos, campos de refugiados ou nas ruas de uma qualquer cidade, estas são de uma forma geral doentes, traumatizadas e, com algumas excepções, não obedecem aos “padrões” que muitos dos potenciais pais desejam. Desta forma surgiram muitas “agências de adopção” cujo objectivo não é procurar uma casa e/ou família para estas crianças necessitadas, mas sim encontrar crianças para famílias no ocidente por um preço.


Peray, «The Nation»

No caos que se vive actualmente no Haiti, seria uma questão de tempo até surgir este fenómeno. Dez missionários americanos foram presos, na sexta-feira, no Haiti quando tentavam levar 33 crianças para fora do país, sem qualquer tipo de documentos ou permissões legais. Insistiram que as crianças não tinham pais e estavam a ser levadas para um orfanato na República Dominicana, e ao mesmo tempo disseram que desconheciam que eram necessários documentos para levar para fora do país as crianças:

[…] “They really didn’t have any paperwork … I did not understand that that would really be required,” the leader of the arrested group, Laura Silsby, told CNN.

She vehemently denied any intention of kidnapping or trafficking the children, which include a baby and children up to 12 years old. “We literally all gave up everything we had, you know, income, and used our own funds to come here and help these children,” Silsby said.

“God is the one who called us to come here and we just really believed that this was his purpose,” said Carla Thompson, another member of the group, which called itself the New Life Children’s Refuge.

Embora possa existir uma real boa intenção,  tudo se complicou quando uma das crianças disse que não era órfã e que julgava que estava a ir para um campo de férias.

Uma resposta

Subscribe to comments with RSS.

  1. lerever said, on Fevereiro 2, 2010 at 3:27 pm

    Lamentável…


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: