Notas ao café…

Cientistas ao contra-ataque

Posted in notas ao café by JN on Março 4, 2010


Chappatte, «International Herald Tribune»

A publicação não autorizada na Internet, no ano passado, de centenas de e-mails de um importante centro de investigação sobre o clima na Inglaterra, e as mais recentes revelações de erros num relatório relatório das Nações Unidas sobre alterações climáticas, criaram o que alguns cientistas dizem ser mais rude golpe no seu trabalho. Estes cientistas dizem que os danos causados ameaçam décadas de trabalho e têm prejudicado a confiança do público no empreendimento científico.

O episódio dos e-mails, apelidado de “climategate” pelos críticos, revelou alguma arrogância e o que um investigador chamou de “tribalismo” entre alguns cientistas. A correspondência parece mostrar os esforços para limitar a publicação do pareceres contrários. O conteúdo de algumas mensagens mostra que alguns cientistas deliberadamente ocultaram e recusaram fornecer os dados a outros cientistas como ao mesmo tempo manipularam esses dados para poderem “encaixar” em conclusões pré-definidas.


Paresh Nath, «The Khaleej Times»

No New York Times escreve-se que o panorama está a mudar; sujeitos a criticas de todos os quadrantes, muitos cientistas do ambiente passaram ao conta-ataque: enfrentam os críticos e cépticos, admitem erros e mostram os dados e resultados de anos de investigação:

For months, climate scientists have taken a vicious beating in the media and on the Internet, accused of hiding data, covering up errors and suppressing alternate views. Their response until now has been largely to assert the legitimacy of the vast body of climate science and to mock their critics as cranks and know-nothings.

But the volume of criticism and the depth of doubt have only grown, and many scientists now realize they are facing a crisis of public confidence and have to fight back. Tentatively and grudgingly, they are beginning to engage their critics, admit mistakes, open up their data and reshape the way they conduct their work.

[S]ome scientists said that responding to climate change skeptics was a fool’s errand.

“Climate scientists are paid to do climate science,” said Gavin A. Schmidt, a senior climatologist with the National Aeronautics and Space Administration’s Goddard Institute of Space Studies. “Their job is not persuading the public.”

He said that the recent flurry of hostility to climate science had been driven as much by the cold winter as by any real or perceived scientific sins.

“There have always been people accusing us of being fraudulent criminals, of the I.P.C.C. being corrupt,” Dr. Schmidt said. “What is new is this paranoia combined with a spell of cold weather in the United States and the ‘climategate’ release. It’s a perfect storm that has allowed the nutters to control the agenda.”

The answer is simple, he said.

“Good science,” he said, “is the best revenge.”


Nick Anderson, «Houston Chronicle»

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: